quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Conversas

Este fim de semana quando estava a trabalhar, chegou à caixa uma senhora (tinha aspecto esquesito), com duas meninas:uma com mais ou menos 5/6 aninhos e outra com 2/3 aninhos!

Meninas: queremos um balão, queremos um balão!
Mãe: não vos vou dar um, vou dar cinco! (dito com ironia, como é claro)
Meninas: queremos cinco balões, queremos cinco balões, queremos cinco balões, queremos cinco balões!!
Mãe: Porra, já estou cheia de vos aturar! Porquê que os infantários não estão abertos ao fim de semana?

Conseguem acreditar? Eu não acho isto normal..esta senhora (nem sei se lhe podemos chamar assim), quer despachar os filhos todos os dias da semana para um infantário para não os aturar, como ela disse! Mas porque raio, é que então ela teve filhos?Para serem os outros a tomarem conta, a tratarem, a dar carinho?

Todos nós sabemos que há dias que os miúdos estão mais irrequietos, mas são crianças...Eu acho que há pessoas que não foram feitas para serem mães! Fiquei a pensar até que ponto aquelas duas meninas têm momentos de carinho, de afecto, de brincadeira?! Devem passar o dia a ouvirem a mãe a berrar com elas, ou a dar palmadas!

Acho que é o tipo de comentário que nunca se deve fazer, por mais cansado que se esteja naquele dia! Há tantas mulheres a querem engravidar e não conseguem, a quererem ter um ser pequenino para amar incondicionalmente...e depois ouvimos estas conversas estúpidas...e eu fico parva!

3 comentários:

Liliana disse...

As pessoas têm os filhos, mas queriam que eles nao dessem trabalho nenhum, por isso refugiam-se nos infantarios e se possivel durante toda a semana para nao terem que os aturar muito tempo, ha gente que nao merece mesmo, enfim...

Beijinhos

Maria disse...

Quem os tÊm ás vezes nem os merece.... Que triste que é...

bjhno.

Rute CS disse...

Obrigada pela visita! Quanto a esta conversa, penso que é reflexo de as crianças ficarem no infantário demasiado tempo. A mãe acaba por deixar de saber lidar bem com elas...
bjs